Como usar hashtags: um guia para todas as redes sociais

Saber como usar hashtags ajuda a aumentar o envolvimento do público com a sua marca nas redes sociais. A Hootsuite, uma plataforma de gestão de redes sociais para profissionais, equipas, pequenas e grandes empresas, desenhou um guia com o back to basics do uso de hashtags.

Muito completo e prático, ajuda a encontrar hashtags que funcionem melhor para cada marca; mostra por que razão usar apenas hashtags populares não é a abordagem correta; e deixa dicas essenciais para usar hashtags em todas as plataformas de redes sociais.

Para começar, o que é uma hashtag? Todos os hashtags usam este símbolo #, que no teclado está localizado na mesma tecla do símbolo da libra. Este foi inicialmente usado para identificar números e usado pela primeira vez como hashtags no verão de 2007 por Chris Messina.

Parece que o especialista em marketing na web entrou nos escritórios do Twitter com uma ideia: para ultrapassar a rapidez com que tudo acontece nesta rede social, sugeriu que a empresa começasse a usar o símbolo da libra para agrupar Tweets que estivessem relacionados pelo mesmo assunto ou tema. Desde então, o uso de hashtags tem vindo a aumentar progressivamente.

Pense nas hashtags como uma maneira de conectar o conteúdo da rede social a um tópico, evento, tema ou conversa. Também facilitam a descoberta de publicações ou posts sobre tópicos específicos porque os hashtags agregam todo o conteúdo da rede social com o mesmo hashtag.

Começaram no Twitter, mas agora já não são usados apenas no Twitter. Os hashtags também são eficazes noutras plataformas de redes sociais.

Este foi o primeiro uso da hashtag:

Noções básicas

Começam sempre com #, mas não funcionam se usar espaços, pontuação ou símbolos. Verifique se as suas contas são públicas. Caso contrário, o conteúdo hashtagged que criar não será visto pelos “não seguidores.”

Não junte muitas palavras. Os melhores hashtags tendem a ser relativamente curtos e fáceis de lembrar. Use hashtags relevantes e específicos. Se for muito obscuro, será difícil encontrá-lo e provavelmente não será usado por outros utilizadores. Limite o número de hashtags que usa. Mais nem sempre é melhor. Na verdade, o uso de muitos pode parecer que é spam.

Oportunidade para construir uma marca

Porque deve usar hashtags? Para ter um maior envolvimento com os seus seguidores. Incluir hashtags nas suas publicações significa participar de uma conversa nessa plataforma. E o mais importante, torna os seus posts visíveis nessa conversa.

Isso pode levar a um maior envolvimento com uma marca através de likes, partilhas, comentários e aumento da adesão por novos seguidores. Por exemplo, a hashtag da marca Raptors #WetheNorth brilhou durante a temporada de 2019 que a equipa venceu. Este possui apelo universal e foi um dos hashtags mais usados pelos canadenses no primeiro semestre de 2019.

 

Outro exemplo é a Cheerios e a campanha #CheeriosHeartHuntSweepstakes. O concurso incentivou os seguidores a comprar produtos Cheerios e também espalhar a marca através de posts de fotos nas redes sociais.

Uma maneira de mostrar apoio a questões sociais

Usar um hashtag ligado a um problema além da sua marca é uma maneira de se mobilizar por uma causa ou problema social importante. Por exemplo, #EachforEqual e # IWD2020 foram usados em plataformas, incluindo o LinkedIn, no Dia Internacional da Mulher.

As marcas também podem criar uma hashtag de marca, o que também mostra a sua ligação a um problema social. Por exemplo, a Bell, empresa de telecomunicações do Canadá usa a hashtag da marca #BellLetsTalk para promover a consciencialização para a importância da saúde mental.

Adicionar contexto a um post

No Twitter não há muito espaço para escrever uma legenda – tem 280 carateres exatamente. No Instagram, legendas longas nem sempre são as mais eficazes. O mesmo acontece com o Facebook, Pinterest, LinkedIn ou qualquer outra plataforma – às vezes menos é mais. Usar um hashtag pode ser uma maneira simples de contextualizar o conteúdo que está a publicar sem usar muitos carateres ou escrever legendas repetitivas.

Por exemplo, a NASA comemorou o 50.º aniversário da chegada à Lua da Apollo 11 em julho de 2019. O uso do hashtag #Apollo50th fazia parte da sua campanha digital. No Dia Mundial do Emoji, também em julho, a NASA fez um post que foi um tweet muito popular.

Ajude o seu público-alvo a encontrar a sua marca

No Instagram e LinkedIn os utilizadores podem seguir hashtags. O uso de alguns hashtags populares pode ser uma maneira de ajudar novos utilizadores a encontrar a sua marca. Por exemplo, se usar #travel nas suas postagens do Instagram, alguém que seguir esse hashtag verá essa postagem recente no seu feed. Pode ganhar novos seguidores dessa forma. 

Que hashtags deve usar

Para encontrar hashtags específicos para a sua marca, setor e público-alvo, faça uma pesquisa sobre influenciadores e concorrentes nas redes sociais. Reúna informações sobre os seus concorrentes e influenciadores relevantes no nicho da sua marca.

Anote que hashtags são usados com mais frequência e quantos são usados em cada uma das postagens. Isso ajudará a ver como os seus concorrentes estão a conseguir envolvimento com o público-alvo.

Use o Hashtagify.me para encontrar os melhores hashtags do Twitter ou Instagram para a sua marca. Com esta ferramenta pode pesquisar qualquer hashtag e ver se é popular. Pode também digitar a sua legenda no Twitter ou Instagram e ver as sugestões de hashtag.

Para saber que hashtags são uma tendência, o RiteTag gera sugestões de tendências de hashtag com base no seu conteúdo. Clique em “Obter relatório” para ter uma análise detalhada das hashtags. E claro, para estudar mais a fundo, uma ferramenta como o Hootsuite permite que a marca use fluxos de pesquisa para descobrir que hashtags são melhores para todas as redes sociais que usa.

Hashtags mais populares

Os mais populares, podem, no entanto, não ser os melhores, reconhece a autora do artigo “How to Use Hashtags: A Quick and Simple Guide for Every Network”, publicado pela Hootsuite. O hashtag #followme tem mais de 515 milhões de postagens no Instagram. Mas os hashtags que solicitam likes não envolvem e não adicionam significado à sua postagem nas redes sociais. E parecem spam, o que não deve querer.

Mas não ignore hashtags populares. Por exemplo, #throwbackthursday ou #flashbackfriday podem ser maneiras divertidas de pôr a sua marca a participar numa conversa mais ampla.

Note que os hashtags populares diferem dependendo da plataforma. No LinkedIn, as hashtags populares incluem #liderança e #produtividade. Embora existam milhões – até biliões – de posts que usam hashtags populares, são universais e não são específicos para um setor ou um tema. Portanto, “use esses hashtags populares com moderação”, aconselha a escritora e criadora de conteúdos digitais Karin Olafson.

Em março de 2020, estes eram alguns dos hashtags mais populares do Instagram:
#love (1.7B posts)
#instagood (1.1B posts)
#photooftheday (763M posts)
#frases (639M posts)
#frases (564M posts)
#picoftheday (551M posts)
#photography (537M posts)
#natureza (494M posts)
#instagram (439M posts)
#alimentos (376M posts)

©Jon Tyson

Artigos Relacionados: