O mercado de Life Sciences atravessa um período bastante positivo

De acordo com o Guia do Mercado Laboral 2020 da Hays, a grande aposta por parte das empresas em produtos cada vez mais inovadores e a procura pelos melhores talentos não deixa margem para dúvidas: o mercado de Life Sciences tem atravessado um período bastante positivo.

Tem-se verificado neste setor uma aposta em perfis científicos, sendo notória a tendência para perfis como Medical Science Liasion, Medical Manager e o de Delegado Hospitalar com formação científica.

Observou-se também um crescimento acentuado dos grupos privados de saúde, com a entrada de novos players no mercado, levando a um natural aumento do recrutamento na área de Healthcare, nomeadamente de Enfermeiros e Gestores.

Ao analisar os dados do inquérito dos profissionais deste setor verificou-se que 69% não negociaram o pacote salarial, 35% foram aumentados, 67% recusaram ofertas de emprego e 14% foram promovidos, em 2019.

Perspetivas para 2020

O grande dinamismo que marcou este ano a área de Life Sciences não irá estagnar em 2020. Vão continuar também a existir algumas reorganizações nas estruturas das empresas nesta área, fruto de alterações de negócios, decisões estratégicas e rejuvenescimento das equipas.

Com o grande desafio de atração de talento prevê-se uma tendência para um aumento a nível salarial e uma forte aposta por parte das empresas em benefícios que vão ao encontro das motivações dos colaboradores, como a possibilidade de trabalhar a partir de casa algumas vezes durante o mês.

Quanto às funções que vão movimentar o setor este ano são os cargos de Delegado Hospitalar, Enfermeiro e Medical Science Liaison.

Perfis mais solicitados e os mais difíceis de identificar

Em 2019 houve uma necessidade de investimento e retenção no recrutamento para o setor de Life Sciences para perfis de Key Account Manager, Delegado Hospitalar, Digital Marketing Specialist, Comercial Excellence Business Partner, Medical Manager, Medical Science Liaison, Gestor de Produto e Chefe de Vendas.

Verificou-se, ainda, a dificuldade em identificar o perfil de Médico de Medicina do Trabalho, Optometrista e Chefe de Vendas.

O que mais valorizam e que benefícios desejam?

Após uma análise aos inquiridos, sendo que 47% eram do sexo masculino e os restantes 53% do sexo feminino, estes apontam como as principais mais-valias a oferta salarial (83%), o bom ambiente de trabalho (77%), plano de carreira (70%), cultura empresarial (54%) e qualidade de projetos (52%).

Quanto aos benefícios mais desejados para aceitarem uma oferta de trabalho, os inquiridos apontam como os cinco principais fatores: seguro de saúde (81%), flexibilidade de horários (73%), possibilidade de trabalhar a partir de casa (63%), formação/certificações (60%) e automóvel para uso pessoal (51%).

Por: Andreia Fernando, Team Leader da Hays Portugal

Artigos Relacionados: