Queremos mesmo um estado-eucalipto?

A pandemia provocou duas grandes crises: uma sanitária e outra económica. A terceira pode estar a ser incubada: a da sociedade civil e por arrasto da democracia. Os nossos políticos têm lembrado que nunca a democracia esteve em risco. Acreditamos que queremos todos preservar a democracia mesmo quando são tomadas atitudes pouco democráticas como a de desconsiderar deputados eleitos pelo povo, por muito desagradáveis que eles nos possam ser pessoalmente.

Mas a democracia também pode ser posta em causa quando se limitam os espaços dos outros à custa do crescimento do Estado. Num sistema democrático, como em qualquer sistema bem governado, os poderosos desenham sistemas de governança que limitam o seu próprio poder. Por cá as coisas não vão nesse sentido: agora está na moda perguntar onde andam os liberais neste ambiente pandémico. Andam onde costumaram andar: a defender que há espaço para o Estado, para as empresas e para as comunidades e a sociedade civil. A sociedade precisa deste triângulo virtuoso. A energia com que alguns políticos querem ajustar contas com os privados ou as críticas a Isabel Jonet mostram que o extremo do neoliberalismo selvagem tem como contraponto um estatismo de eucaliptal.

Não entendam mal este vosso colunista: ele trabalha no Estado, numa universidade pública, e tem muita honra em fazê-lo. Defende o Estado como ponto de equilíbrio de qualquer boa sociedade. Mas as críticas, em particular a Isabel Jonet, são um sinal de iliberalidade: pode gostar-se pessoalmente muito, pouco ou nada da pessoa; a obra pode ser criticada – como todas as obras, incluindo esta breve coluna. Mas a sua legitimidade, contribuição e serviço estão acima de dúvidas. Quando os nossos políticos criticam as iniciativas da sociedade civil, como esta, estão a limitar a pujança da sociedade e por isso a da própria democracia. Logo, nesta altura, para enaltecermos o papel do Estado, não temos que desqualificar as contribuições da sociedade civil. Nem esta nem as outras.


Por Miguel Pina e Cunha, diretor da revista Líder

Artigos Relacionados:

Centro de preferências de privacidade

Cookies necessários

Publicamos cookies neste site para analisar o tráfego, memorizar as suas preferências, otimizar a sua experiência e apresentar anúncios.

PHPSESSID, __gads, _ga, _gid, gdpr[allowed_cookies], gdpr[consent_types], wordpress_test_cookie, woocommerce_cart_hash, woocommerce_items_in_cart, _gat_gtag_UA_114875312_1
IDE
__cfduid